Marinho vota contra cobrança de bagagens aéreas para consumidor

Foi aprovado ontem, 13, por unanimidade, na Comissão de Defesa do Consumidor, da Câmara dos Deputados, o Projeto de Decreto Legislativo (PDC 578/16), do Senado Federal, que mantém como serviço das companhias aéreas o transporte das bagagens dos passageiros,  sem cobranças extras ao mesmo.

O deputado federal Márcio Marinho, titular na Comissão de Defesa dos Consumidores, criticou o posicionamento da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC). “As agências reguladoras devem promover o equilíbrio entre o setor privado e a sociedade. Sem dúvidas, essa cobrança seria um abuso econômico para os consumidores.”, disse Marinho.

 Agora, o Projeto de Decreto Legislativo aguarda ser apreciados em outras comissões para ser votado.

Share